Limpeza e Desinfecção de Ambientes

coronavírus limpeza de condomínio
Coronavírus: Como deve ser a Limpeza de condomínio e cuidados com a equipe
30 de março de 2020
manual de limpeza profissional coronavírus
Manual para Profissionais de Limpeza durante a Pandemia do Coronavírus
15 de abril de 2020

Limpeza e Desinfecção de Ambientes

limpeza e desinfecção de ambientes
 
Sinônimo de ambiente limpo é o perfume que ele exala? A resposta é não! Muitas vezes, aquele ambiente limpo e cheiroso pode esconder perigos invisíveis. É preciso muito mais que bons produtos de limpeza para que um determinado local seja considerado seguro contra germes, bactérias e vírus, como o novo Coronavírus (Covid 19).

Tão importante quanto um bom atendimento em hotéis, ambientes hospitalares e restaurantes, é manter os espaços livres de contaminação. Todos esses locais precisam ser limpos e desinfetados seguindo as normas de controle de infecção previstas pela Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa). Mas antes de tudo vamos entender qual a diferença entre "limpeza X desinfecção"

Diferenças entre Limpeza e Desinfecção

limpeza e desinfecção de ambientes

A limpeza é a atividade que remove sujeiras visíveis aos olhos. Normalmente, essa ação é feita com água, detergente e fibra (quando feita em ambientes), realizando, assim, a remoção da sujeira ou gordura residual (material orgânico mais fino).

Já a desinfecção é o processo capaz de eliminar a maioria dos organismos causadores de doenças, como o novo Coronavírus, por exemplo.

Para quem deseja alinhar limpeza e desinfecção, é preciso atenção na mistura dos processos. Um produto que contém cloro, quando misturado com água e detergente ácido, pode perder a eficácia ao ser misturado e aplicado em um ambiente ainda não limpo. Após lavar o ambiente com água e detergente, o correto é desinfectar com o produto que contenha a função desinfetante de matar os microrganismos invisíveis.

Mas muita atenção, os processos de desinfecção estão classificados em 3 níveis: desinfecção de alto nível, nível intermediário e baixo nível. Conheça!

Conheça os níveis de desinfecção e seus produtos

A desinfecção de alto nível elimina bactérias vegetativas, fungos, vírus e alguns esporos bacterianos. Para este efeito, usa-se os seguintes produtos:

  • Ácido Peracético
  • Hipoclorito de Sódio

Já a desinfecção de nível intermediário afasta a maioria dos fungos, todas as bactérias vegetativas, e alguns vírus lipídicos. Nesta etapa os produtos usados são:

  • Álcool etílico 70%
  • Quaternário de Amônia
  • Hipoclorito de sódio (1.000 ppm de cloro disponível)

Por fim, a desinfecção de baixo nível destrói a maioria das bactérias vegetativas. Conheça os produtos utilizados neste nível:

  • Álcool etílico 70%
  • Fenóis (alta toxicidade, tendendo ao desuso)
  • Hipoclorito de sódio (100 ppm de cloro disponível)
  • Quaternário de amônio (apenas para desinfecção de superfícies)

Agora que você já sabe qual a diferença entre os dois métodos, veremos a importancia da limpeza e desinfecção de ambientes.

Importancia da Limpeza e Desinfecção de Ambientes

limpeza e desinfecção de ambientes

A Limpeza e Desinfecção de Ambientes devem ser feitas periodicamente. Não apenas para a conservação do patrimônio e para a estética, mas principalmente para zelar pela saúde das pessoas que trabalham e circulam nestes locais. É uma medida extremamente importante para combater a proliferação de micro-organismos que estão no ar e em superfícies, invisíveis aos nossos olhos, como o novo Coronavírus.

Cada ambiente exige uma técnica e produtos diferenciados para que seja totalmente efetiva. Por exemplo, o que é utilizado para limpeza de salas comerciais não será adequado para a higienização industrial. Além dos equipamentos apropriados, é fundamental contar com uma equipe treinada e especializada em cada situação, pois os serviços variam desde a realização de uma limpeza leve até desinfecções.

Cada ambiente exige ainda uma periodicidade distinta para os serviços de acordo com o grau de sujidade e a sazonalidade das atividades. Vale lembrar que as limpezas e desinfecções devem ser feitas não apenas de forma corretiva, mas também preventiva.

Como fazer a Limpeza e Desinfecção de ambientes

limpeza e desinfecção de ambientes

Como  já falamos no início do artigo, para uma efetiva higienização, primeiramente deve ser realizada a limpeza do local, eliminando todo o tipo de sujeira. Somente após isso é que pode ser feira a desinfecção, com o ambiente já devidamente limpo. É importante que o processo seja feito em etapas, pois a sujeira pode trazer novos micro-organismos e nem sempre os produtos destinados à limpeza são também indicados para a desinfecção, como já foi visto.

Na hora da limpeza, deve-se levar em conta não apenas os pisos, mesas e bancadas, mas também outras superfícies com grande poder de disseminação de bactérias, vírus e ácaros, como maçanetas, telefones, computadores, máquinas, estofados, carpetes, etc.

Cuidados com a limpeza de ambientes no inverno

O inverno é uma época do ano propícia para aproliferação de ácaros, já que os ambientes tendem a ficar com as janelas fechadas por mais tempo. Confira algumas dicas de higienização no inverno:

  • evite varrer superfícies a seco, já que esse processo contribui para a dispersão de micro-organismos. Em caso de carpetes, utilize aspiradores com filtros adequados.
  • evite o uso de espanadores. Com eles os ácaros apenas são espalhados, ficam dispersos no ar e caem novamente. Utilize flanelas com produtos específicos para cada tipo de superfície.
  • diminua a umidade do ambiente com desumidificadores, já que os ácaros normalmente se proliferam em locais úmidos.

Gostou do conteúdo? Então compartilhe nas redes sociais. Se deseja saber mais sobre limpeza e desinfecção de ambientes contra o Coronavírus, solicite um orçamento agora mesmo através do nosso WhatsApp.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat