Terceirização de mão de obra: O que é, como funciona e quais os benefícios

qual é o 5 dia útil do mês
Afinal, qual é o 5° dia útil do mês ?
28 de janeiro de 2020
gestão de facilities
Gestão de Facilities: Uma atividade em expansão
5 de fevereiro de 2020

Terceirização de mão de obra: O que é, como funciona e quais os benefícios

terceirização de mão de obra
 
A terceirização de mão de obra, também conhecida como outsourcing é, sem dúvida, um dos recursos mais adotados por pequenas e grandes empresas, não só no Brasil como no mundo.

Essa estratégia tem sido utilizada como uma forma de maximizar os resultados das empresas e organizações, além de ser uma alternativa para minimizar gastos e despesas, além de evitar problemas com encargos trabalhistas.

Se você quer saber o que é, como funciona e quais os benefícios de contratar mão de obra terceirizada para sua empresa ou condomínio, leia este artigo até o final!

O que é Mão de Obra Terceirizada?

terceirização de mão de obra

Podemos definir a terceirização da mão de obra como o processo em que uma empresa contrata uma outra empresa para realizar determinado serviço. Assim, a organização pode ter colaboradores que ocupem seu espaço físico, mas não sejam seus contratados. Os serviços de limpeza e segurança, por exemplo, geralmente são terceirizados nas grandes empresas.

A terceirização da mão de obra surgiu durante a Segunda Guerra Mundial, nos Estados Unidos, em um momento em que as indústrias de armas de fogo tiveram de aumentar em larga escala a sua produção. Como a demanda era muito grande, essas indústrias passaram a se dedicar apenas à finalização do produto, ou seja, montar as armas, terceirizando a fabricação das peças para outras organizações.

A partir de então, o processo tem sido adaptado à realidade de cada empresa, passando a ser uma solução eficaz e econômica, principalmente, para empresas de pequeno porte, que não dispõem de recursos financeiros e nem de estrutura suficiente para tomar frente de todo o processo de fabricação do produto.

No Brasil, a prática de terceirização de serviços surgiu na década de 1980 e tem ganhado cada vez mais empresas adeptas.

Como funciona a Terceirização de Mão de Obra?

terceirização de mão de obra

Para que possamos entender de forma clara a terceirização de mão de obra, vamos ver como ela funciona e de que maneira grandes empresas estão tornando os seus processos cada vez mais eficientes.

Um dos exemplos mais comuns que observamos no mercado, são os mais diversos tipos de empresas, principalmente as de grande porte, contratando mão de obra terceirizada para realizarem os seus serviços de limpeza, segurança, portaria, jardinagem, transporte e até mesmo administrativos em suas organizações.

Muitas delas fazem isso, pois trata-se de um prática que não se caracteriza como um emprego formal, ou seja, em que o empregador precisa arcar com custos e tributos determinados na Consolidação das Leis Trabalhistas – CLT, já que quem tem esta responsabilidade é justamente a empresa terceirizada que é contratada.

Dessa forma, caso sua empresa contrate uma terceirizada, o seu custo será somente pelos serviços que ela está lhe oferecendo e nada mais que isso. Os encargos trabalhistas, recrutamento, seleção, admissão, demissão, horas extras e etc...ficam por conta da contratada. Por esses e outros motivos é que grandes empresas tem optado pela terceirização de mão de obra. Vejamos agora todos os benefícios que essa estratégia pode trazer para sua empresa:

Benefícios da Terceirização de Mão de Obra

terceirização de mão de obra

Agora que entendemos como funciona a terceirização de mão de obra, convido você a conferir alguns dos muitos benefícios que ela oferece às empresas. Veja:

Qualidade dos Serviços

Ao terceirizar algumas atividades, como a de limpeza, portaria, jardinagem e segurança, por exemplo; a especialização da terceirizada nesses campos permite que ela forneça serviços de alta qualidade.

Isso porque a empresa contratante terá especialistas em todas as etapas terceirizadas na sua operação e contará com profissionais experientes e que possuem conhecimentos técnicos diferenciados, capacitados para exercer as atividades previstas com excelência.

Hoje, a melhoria na qualidade dos serviços é um requisito ao qual as empresas contratantes visam muito, pois uma equipe bem treinada e competente faz muito mais em menos tempo e entrega os resultados que são esperados.

Vínculo Empregatício

A Lei Nº 13.429/2017, também conhecida como lei da terceirização, sancionada no dia 31 de março de 2017 altera dispositivos da Lei no 6.019, de 3 de janeiro de 1974, que dispõe sobre o trabalho temporário. Além disso, a lei passa a permitir que empresas contratem funcionários terceirizados para executar atividades-fim, ou seja, as principais funções da empresa.

Antes da Lei, os trabalhadores terceirizados só podiam desempenhar atividades-meio — como recepção, jardinagem, limpeza e segurança, por exemplo; mas com a aprovação dessa nova lei da terceirização, passam a poder exercer qualquer função, até mesmo a atividade principal da empresa contratante.

Independentemente de qual for a atividade que necessite de mão de obra, agora a empresa terá liberdade para escolher pelo serviço terceirizado, que conferirá mais produtividade, agilidade e especialização do trabalho, tendo em vista que muitos dos trâmites pertinentes dessa operação não serão suas obrigações.

A companhia não perderá tempo tentando encontrar e contratar um funcionário, tampouco terá que se preocupar com o quanto aquele funcionário custaria se fosse celetista. No entanto, terá à sua disposição um profissional competente.

Redução de Custos

Alguns custos referentes à contratação de mão de obra são minimizados quando a operação de terceirização é aplicada na empresa. O reflexo impacta positivamente na gestão de pessoas e na gestão administrativa, uma vez que a empresa contratada é a responsável pela captação, treinamento e gestão de funcionários.

Dessa forma, gastos financeiros com salários, seguros, férias e benefícios não recairão sobre o contratante, e nem essa gestão de documentos. E, ainda, o cliente fica livre de questões trabalhistas, contando com o benefício indireto de ter aqueles funcionários à sua disposição apenas quando for necessário.

Ou seja, se precisar reduzir ou aumentar a quantidade de colaboradores nas áreas de segurança ou limpeza, não haverá problemas: basta negociar com a empresa de terceirização de mão de obra para realizar o trabalho de acordo com as preferências da contratante.

A limpeza de uma empresa por exemplo; é essencial para oferecer a todos, tanto funcionários quanto clientes, um ambiente produtivo, saudável e agradável. Do ponto de vista da legislação trabalhista, é indispensável garantir as condições mínimas de higiene no ambiente de trabalho.

A terceirização nessa área, além de promover o bem-estar, também oferece uma redução em compra de materiais de limpeza e maquinários, visto que muitas empresas de terceirização fornecem não só a mão de obra, mas também os equipamentos necessários para a tarefa, como aspiradores de pó e equipamentos de segurança individual (EPIs).

Recrutamento e Seleção, Admissão e Demissão

O processo de captação, contratação e treinamento de um funcionário pode gerar uma demanda de tempo significativa. Além disso, com a terceirização, alguns processos burocráticos são minimizados, assim como gastos financeiros.

Assim, todo o processo de contratação e treinamento pessoal é incumbido à empresa terceirizada. Dessa forma, sua organização poderá otimizar tempo de trabalho e desenvolver habilidades mais estratégicas que podem ser realizadas internamente.

No modelo de contratação CLT, em eventuais situações em que um profissional precisa ser substituído — por férias, desligamento da empresa, afastamento médico etc. — a empresa precisa agir com agilidade e eficácia, para que a ausência do profissional não impacte os resultados da organização.

Como reflexo, pode-se destacar a queda na produtividade, sobrecarga dos demais funcionários, gastos e burocracia com desligamento, e um novo processo seletivo, contratação e treinamento do profissional que o substituirá.

No entanto, ao adotar a terceirização da mão de obra, os especilhos são minimizados, já que a empresa não precisará se preocupar com o processo de substituição de um profissional. O processo de trabalho da empresa terceirizada transmite garantias de que não haverá impacto na produção em função dessas interferências.

Dicas para contratar uma Empresa de Terceirização de Mão Obra

terceirização de mão de obra

Para você que chegou até este ponto do texto e considera adotar a terceirização em sua organização, confira algumas dicas importantes para que esta seja verdadeiramente eficaz e assertiva:

  • Avalie bem referências e trabalhos já realizados antes de contratar uma empresa terceirizada;
  • Identifique de maneira precisa quais atividades ou setores que realmente necessitam ser passados a terceiros;
  • Alinhe bem seus objetivos e necessidades com a empresa contratante, para que não haja falha na comunicação;
  • Defina prazos e metas e seja rigoroso quanto a isso;
  • Acompanhe e avalie a performance da equipe terceirizada continuamente, seja responsável pela aprovação, mudanças, aplicação etc;
  • Mensure os resultados da empresa terceirizada e avalie se os serviços realmente valerão a pena;
  • Mantenha um bom relacionamento com seus parceiros, isso evita problemas futuros e possíveis erros.

A terceirização de mão de obra pode ser o que faltava para sua empresa ou organização inovar, gaster menos e ter mais tempo para focar em seu Core Business! Lembre-se, agora, a terceirização de mão de obra é uma relação consolidada e totalmente legalizada por lei no Brasil. Não perca mais tempo!

Entre em contato agora mesmo com a Canal Service e comece a terceirizar setores da sua empresa ou organização.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat